Secretário de Saúde de SP deve deixar o cargo

Secretário de Saúde de SP deve deixar o cargo

Alberto Bombig e Marianna Holanda

20 de julho de 2020 | 19h38

José Henrique Germann, secretário de Saúde do Estado de São Paulo, durante coletiva de imprensa sobre o coronavirus no Palácio dos Bandeirantes Foto: Governdo do Estado de São Paulo

O secretário da Saúde do Estado de São Paulo, José Henrique Germann Ferreira, deve deixar o cargo ainda nesta semana, segundo apurou a Coluna. A decisão, entre outros motivos, teria sido motivada, principalmente, por questões pessoais, relacionadas a tratamentos médicos, mas também por divergências administrativas. Recentemente, Eduardo Barbin, que ocupava a chefia de gabinete de Germann teve exoneração publicada no Diário Oficial do Estado.

O secretário é da cota pessoal do governador João Doria, com quem mantém boa relação. A saída dele não estaria relacionada ao combate à pandemia no Estado de São Paulo porque o trabalho de Germann tem a aprovação de Doria.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.