Renan muda discurso e diz que haverá recesso em julho

Renan muda discurso e diz que haverá recesso em julho

-

Luiza Pollo

28 de junho de 2016 | 06h30

FOTO: ED FERREIRA/ESTADAO

FOTO: ED FERREIRA/ESTADAO

Passou quase despercebido, mas o senador Renan Calheiros disse em plenário na última semana que haverá recesso em julho, ao contrário do que vinha afirmando.

Veja o que ele disse na sessão:

 

Eu queria fazer um apelo aos Senadores e às Senadoras que estão em outras dependências da Casa que venham ao plenário. Nós vamos começar a Ordem do Dia. Então, é muito importante para que nós possamos deliberar. Vamos votar a LDO até o dia 13, quando nós teremos Ordem do Dia. Depois do dia 13, se nós votarmos a LDO, teremos o recesso na forma da Constituição Federal. Se nós não votarmos a LDO, vamos fazer o que fizemos no ano que passou: só convocaremos sessão com Ordem do Dia a partir do dia 2 de agosto.
O Senado, como todos sabem, está com a sua pauta em dia. Da Comissão do Pacto Federativo, nós já apreciamos praticamente todas as matérias; da Comissão de Desenvolvimento, também temos algumas poucas matérias, que nós apreciaremos até o final do nossos trabalhos nesse trimestre – nesse semestre, melhor dizendo.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Férias

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: