Relator só vai distribuir voto do caso Dilma-Temer na hora da sessão

Relator só vai distribuir voto do caso Dilma-Temer na hora da sessão

.

Andreza Matais

06 de junho de 2017 | 16h51

 

O ministro Herman Benjamin não vai divulgar seu voto para os demais ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) antes do julgamento que começa nesta terça-feira às 19 horas. Todos os ministros vão conhecer o teor de sua decisão no processo que pode cassar o mandato do presidente Michel Temer ao mesmo tempo durante a leitura do documento. Com isso, Herman manterá até o fim o suspense em torno dos seus argumentos. A expectativa é que ele deverá pedir a cassação da chapa Dilma-Temer.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

 

Mais conteúdo sobre:

TSE