Reforma Política pode ter relatório paralelo para barrar ideias do PT

­

Coluna do Estadão

26 de outubro de 2016 | 06h45

A Comissão da Reforma Política tem plano para aprovar propostas para as próximas eleições. O presidente da comissão, Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), deve preparar texto paralelo ao do relator Vicente Cândido (PT-SP).

Assim, se aparecer algum ponto conflitante no parecer do petista, a base aliada atropela seu texto e aprova o documento escrito por Lúcio Vieira Lima em seu lugar.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao