‘Realmente pedi apoio para a OAS’, diz Paulo Okamotto

‘Realmente pedi apoio para a OAS’, diz Paulo Okamotto

­­­

Coluna do Estadão

16 de setembro de 2016 | 05h15

Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Foto: Daniel Teixeira/Estadão

O presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, confirmou que pediu apoio à construtora OAS. Ele foi denunciado por procuradores da Operação Lava Jato. “Eu pedi apoio à OAS. Se isso for crime, me diz qual é a pena que sou obrigado a cumprir, porque eu realmente pedi apoio para a OAS.”

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Pronto falei

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.