PT e PSB veem Alckmin à esquerda e querem que ele retorne ao centro

PT e PSB veem Alckmin à esquerda e querem que ele retorne ao centro

Mariana Carneiro, Camila Turtelli, Matheus Lara e Gustavo Côrtes

02 de maio de 2022 | 05h01

Cresce dentro do PT e também no PSB a expectativa de que Geraldo Alckmin “retorne ao centro”, em referência aos acenos à esquerda feitos pelo ex-governador paulista e atual vice na chapa de Lula. O mais recente ocorreu na última quinta, quando Alckmin ouviu a Internacional Socialista no congresso do PSB, seu novo partido. A avaliação de aliados é a de que o ex-governador precisa ser o elo de Lula com três relevantes segmentos: agronegócio, evangélicos e mercado financeiro. E que para desempenhar bem esse papel “Alckmin tem que ser Alckmin”. O ajuste de imagem do ex-governador já está em ação e deve ficar evidente no lançamento da pré-candidatura da dupla, em 7 de maio.

Alckmin e Lula participaram de encontro do PSB em Brasília. Foto: Andressa Anholete/Reuters

ARITMÉTICA. A relevância do papel de Alckmin entre eleitores de centro reside na perspectiva, entre lulistas, de que Jair Bolsonaro deve abocanhar entre 5 e 10 pontos da vantagem que Lula tem sobre ele hoje no Nordeste, graças ao Auxílio Brasil. Alckmin teria então que ajudar a ganhar “eleitores no campo bolsonarista” para compensar.

SINAIS PARTICULARES (por Kleber Sales). Geraldo Alckmin, ex-governador de SP, e Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente da República

SINAIS PARTICULARES. Geraldo Alckmin, ex-governador de São Paulo; e Lula, ex-presidente da República. Ilustração: Kleber Sales/Estadão.

FUMAÇA… Outros que estão preocupados com o eleitor de centro são os bolsonaristas. O deputado Sanderson (PL-RS), que participou da manifestação pró-governo em Brasília, diz que o presidente foi aconselhado e deseja “virar a página” da crise com o STF para governar.

…E FOGO. “Não se ganha a eleição apenas com o bolsonarista raiz. Este elege deputado, senador. Mas para eleger presidente precisa, não de 15 milhões de eleitores, mas de 55 milhões”, diz Sanderson. Para ele, a chave é melhorar a economia.

MICROFONE. A volta dos trabalhos das comissões na Câmara vai motivar uma explosão de pedidos de convocação de ministros. Com a proximidade da eleição, a oposição usa do expediente para desgastar o governo. Na mira estão Paulo Guedes e Paulo Sérgio de Oliveira, sobre a compra de Viagra pelo Exército.

PRONTO, FALEI! Magno Karl, Diretor-executivo do Livres

“Nosso sistema tributário é caro, complicado, e penaliza o brasileiro que deseja fazer o certo. O Executivo e o Legislativo têm responsabilidade nisso.”

CLICK. João Doria, pré-candidato a presidente pelo PSDB

Em Belém do Pará, onde buscou apoio para a sua pré-candidatura, o ex-governador amarrou uma fitinha com votos para Nossa Senhora de Nazaré.

João Doria em viagem a Belém do Pará Foto: Divulgação

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

ALCKMIN; PT; LULA; PSB

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.