PSB escreve resolução defendendo eleições diretas

PSB escreve resolução defendendo eleições diretas

.

Naira Trindade

20 de maio de 2017 | 12h33

Foto: Gustavo Lima / Câmara dos Deputados


Membros da Executiva Nacional do PSB estão finalizando na sede do partido, em Brasília, uma resolução em que pede eleições diretas. O texto deveria constar também a saída do ministro Fernando Coelho Filho do Ministério de Minas e Energia. Mas, após reunião, decidiu-se dar mais tempo para o ministro decidir se saí ou não da base. Coelho não participou da reunião por “conhecer” o resultado dela. Ele é um dos 14 investigados pela Comissão de Ética da legenda por desrespeitar as decisões do partido. A resolução prevê punições caso as medidas não sejam descumprida.


A medida pode desencadear novas saídas do governo de Michel Temer, levando-o ao isolamento político e, consequentemente, à renúncia.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

PSB

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.