PSB acredita que dissidentes devem deixar partido após perderem presidências de diretórios

PSB acredita que dissidentes devem deixar partido após perderem presidências de diretórios

Luiza Pollo

28 de abril de 2017 | 06h00

Deputada Tereza Cristina (PSB-MS). Foto: Divulgação

O PSB acredita que, após destituí-los das presidências dos diretórios estaduais, os deputados Tereza Cristina (MS), Danilo Forte (CE) e Fábio Garcia (MT) deixarão a legenda. Eles votaram a favor da reforma trabalhista contra a orientação do PSB.

Se a líder Tereza Cristina deixar o PSB, o vice-líder Bebeto (BA) assume até que a legenda faça uma nova eleição.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

PSB

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.