Projeto pode beneficiar igrejas e abalar fundos imobiliários

Projeto pode beneficiar igrejas e abalar fundos imobiliários

Coluna do Estadão

22 de junho de 2021 | 05h00

Deputado Vinicius Carvalho. FOTO: MARCELO CAMARGO/AG. BRASIL

Os bancos estão em polvorosa com o projeto de lei do deputado Vinícius Carvalho (Republicanos-SP) que substitui o IGP-M pelo IPCA nos contratos de aluguéis. A medida pode abalar um mercado de fundos imobiliários, estimado em R$ 5 bilhões. Esses fundos pagam remunerações calculadas pelo IGP-M, mesmo índice que lastreia seus investimentos. Se a lei mudar, os fundos ficarão descasados. Segundo apurou a Coluna, um dos objetivos do projeto é poupar recursos das igrejas evangélicas, que alugam a maioria dos imóveis onde instalam templos.

Vide… Ou seja, a devastação do mercado de fundos imobiliários com a troca do IGP-M, índice dos contratos de aluguel desde a elaboração do Plano Real, é só um efeito colateral da medida de forte apelo popular.

…bula. Nos últimos doze meses, o IPCA acumulou alta de 8%, em comparação com 37% do IGP-M, índice muito afetado pelo dólar.

CQD. Esse mercado de R$ 5 bilhões em fundos imobiliários está lastreado por Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs), compostos por contratos de aluguéis corrigidos por IGPM. Logo, esses fundos imobiliários remuneram seus cotistas a partir do IGPM.

CLICK. Carla Zambelli também tirou a máscara quando o “chefe” retirou a dele e atacou a jornalista Laurene Santos. O gesto da deputada “viralizou” nas redes sociais.

FOTO: COLUNA DO ESTADÃO

Olha só. No PSDB, que quer ter uma candidatura de oposição a Jair Bolsonaro, 23 deputados votaram a favor da MP da Eletrobrás. Só cinco foram contra. O único partido de centro que encaminhou votação contra o texto foi o MDB.

Devagar. A MP da Eletrobrás tem tantos jabutis que foi apelidada no mercado financeiro de Projeto Tamar. Ok, claro, jabuti não é tartaruga, mas vale a “licença poética” e, ao fim e ao cabo, também é um bicho bem lento, atrasado…

Gincana… Fazia tempo que os governadores não comemoravam um gesto ou declaração de Marcelo Queiroga. A promessa dele de que os adultos do País tomarão a primeira dose de vacina contra a covid-19 até setembro, porém, fez olhos brilharem de esperança.

…da vacina. Em privado, alguns governadores acreditam que o ministro da Saúde quer se descolar do negacionismo de Bolsonaro com empenho pelas vacinas.

SINAIS PARTICULARES.
Marcelo Queiroga, ministro da Saúde

ILUSTRAÇÃO: KLEBER SALES/ESTADÃO

Boia… O Sebrae-SP registrou crescimento na abertura de novos negócios no Estado: 600 mil nos três primeiros meses de 2020, um milhão no começo deste ano. Os atendimentos da entidade passaram de 650 mil no primeiro trimestre de 2020 para 900 mil no primeiro trimestre de 2021.

…de… A maioria dos atendidos foi gente tentando colocar em pé um negócio por necessidade de ter uma fonte de renda. Os cursos mais procurados do Sebrae-SP em tempos de pandemia: marketing digital e como vender na internet.

…salvação. Segundo Wilson Poit, o Sebrae-SP espera uma melhora do ambiente econômico neste semestre, mas a necessidade de apoio ainda deve prosseguir para os pequenos.

Time. Mesmo antes de se filiar a um partido, Bolsonaro já começou a selecionar seus candidatos a governador nos Estados.

Time 2. No Pará, o escolhido é o delegado federal Eguchi, que perdeu por pouco a eleição a prefeito de Belém. Eguchi está no Patriota, partido para o qual Flávio Bolsonaro migrou.

PRONTO, FALEI!

Luciano Huck. FOTO: GABRIELA BILO/ESTADÃO

Luciano Huck, apresentador de TV: “Rodeado de bajuladores, o presidente (Bolsonaro) se sentiu à vontade pra humilhar uma mulher que apenas cumpria seu dever profissional de informar.”

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG e MARIANNA HOLANDA. COLABORARAM LUIS FILIPE SANTOS E PATRICK FREITAS.

Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.