Presidentes de tribunais de contas aprovam Augusto Aras

Presidentes de tribunais de contas aprovam Augusto Aras

Juliana Braga

11 de setembro de 2019 | 11h16

O subprocurador Augusto Aras, indicado à PGR. Foto: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

Apesar de toda a resistência que enfrenta entre seus pares, o subprocurador-Geral da República Augusto Aras ganhou o apoio dos presidentes de tribunais de contas do País à sua indicação à Procuradoria-Geral da República.

Em nota assinada pelo presidente da CNPTC (Conselho Nacional de Presidentes dos Tribunais de Contas), Edilson Silva, a entidade cita de forma indireta a reação dos procuradores à escolha de Aras fora da lista tríplice da ANPR.

Afirma que, na Constituição, se aglomeram “os princípios democráticos mais legítimos, inclusive os mecanismos de escolha das autoridades encarregadas da manutenção da defesa da democracia”. Reafirma, ainda, que a escolha é uma atribuição conferida ao presidente da República pela Carta Magna.

Aras foi indicado para a PGR pelo presidente Jair Bolsonaro, quebrando a tradição da escolha por meio de lista tríplice formulada pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR). Apesar de ter sido respeitada nas últimas indicações, a lista não está prevista na Constituição.

Na nota, o CNPTC declara seu acolhimento ao nome de Aras, expressando “votos de êxito” em seu mandato. (Juliana Braga)

Tendências: