Porta-voz da China diz que EUA querem politizar relações entre Brasília e Pequim

Porta-voz da China diz que EUA querem politizar relações entre Brasília e Pequim

Coluna do Estadão

30 de julho de 2020 | 05h00

O porta-voz da Embaixada da China no Brasil, o ministro-conselheiro Qu Yuhui, durante entrevista virtual Foto: Jussara Soares/Estadão

Em meio ao que especialistas estão chamando de nova “guerra fria”, o porta-voz da embaixada da China no Brasil, Qu Yuhui, alerta para uma “politização”, promovida pelos EUA, de temas comerciais entre chineses e brasileiros. “Estão querendo introduzir ideologia em qualquer projeto de cooperação entre China e Brasil”, disse à Coluna. Como pano de fundo, está a participação da Huawei no leilão do 5G (os EUA tentam, a todo custo, evitá-la). Yuhui diz ainda que os americanos fazem, inclusive no Brasil, “ataques muito violentos” à China.

Stop! “Essa é uma tendência muito perigosa, pode prejudicar o bom andamento das relações entre a China e o Brasil”, afirmou o diplomata Qu Yuhui.

Taokey. O embaixador dos EUA no Brasil, Todd Chappman, disse em entrevista ao jornal O Globo que a participação da Huawei no leilão do 5G pode trazer “consequências” ao País.

De boa… Yuhui chamou a declaração de “ameaça”. Segundo ele, a China não fará pressão, mas ressaltou que o leilão será um “importante parâmetro”.

…pero no mucho. “Para nós, é importante que uma empresa chinesa possa concorrer em qualquer mercado do mundo, em condições não discriminatórias, num ambiente aberto e transparente”, afirmou.

Teste de… O Planalto disparou convites para o evento de hoje, na Bahia, com a participação de Jair Bolsonaro, de “acionamento do sistema integrado de abastecimento de água de Campo Alegre de Lourdes”.

…paternidade. Autoridades locais, contudo, lembram que o sistema já tem água desde 2018, quando foi inaugurado pelo presidente Michel Temer, e pelo governador Ruy Costa.

CLICK. Romário (Podemos-RJ) tem aproveitado as sessões remotas do Senado para manter a rotina de exercícios. No Rio, as academias reabriram no início do mês.

Divulgação

Mudança… A bancada do Amazonas na Câmara vai propor ao grupo que discute a reformulação do SUS a adaptação do sistema às comunidades da floresta. “O Sus

…verde. Um eixo será garantir conexões de internet e energia solar para permitir atendimento remoto. O outro abordará a possibilidade de prescrição de plantas medicinais aliadas a medicamentos formais.

Para… A decisão de Dias Toffoli de suspender, em caráter liminar, as investigações na primeira instância que têm como alvo José Serra devem inviabilizar a denúncia do MP contra o senador, avaliam juristas. Independentemente da diferença de horários em favor da defesa do tucano.

…tudo. O entendimento é de que a decisão do STF proíbe a utilização de provas nas quais a denúncia, aceita ontem pela Justiça, está baseada. Ou seja, falta “justa causa” para a ação penal. Toffoli acatou os argumentos da advogada Flávia Rahal: violação à competência do STF por parte da Lava Jato paulista.

Decisão. “O Supremo devolveu ao senador José Serra a segurança de que os princípios fundamentais do estado de direito permanecem inabaláveis, confirmando ainda que a lei deve ser obedecida por todos”, afirmou Flávia Rahal.

Bum! As explosivas declarações de Augusto Aras, em live do Prerrogativas, fortaleceram o sentimento entre procuradores de que a única solução possível para o conflito entre ele e a Lava Jato estará no STF.

SINAIS PARTICULARES.
Augusto Aras, procurador-geral da República

Ilustração: Kleber Sales

BOMBOU NAS REDES!

Foto: Silvana Garzaro

Roberto Livianu, procurador de Justiça de São Paulo: “Quarentenas são importantes. Mas para funcionarem não podem ser seletivas. Ou se tira do jogo todo mundo que deve estar fora ou se perde credibilidade. Quem teve poder, deve passar por quarentena. Até apresentadores de TV, pastores e líderes sindicais”, sobre projeto de lei de quarentena a juízes.

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG, MARIANA HAUBERT E MARIANNA HOLANDA. 

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: