Por apoio a Manuela, PSB interfere em diretório de Porto Alegre

Por apoio a Manuela, PSB interfere em diretório de Porto Alegre

Marianna Holanda

18 de novembro de 2020 | 19h59

Manuela D’Ávila (PCdoB), candidata à Prefeitura de Porto Alegre Foto: Dida Sampaio/Estadão

O presidente do PSB, Carlos Siqueira, interveio no diretório municipal do partido para que a legenda apoie a candidata do PCdoB em Porto Alegre, Manuela D’Ávila.

“Tem um grupo defendendo a ideia de apoiar o Melo, mas fiz umas ponderações e devem fazer uma nova reunião para rever isso”, disse à Coluna. “É um direito meu da nacional, posso interferir onde quiser. É importante o PSB estar onde lhe corresponde, do lado da esquerda”.

Na capital gaúcha, os dirigentes e parlamentares buscaram apoiar Sebastião Melo (MDB) no segundo turno. No primeiro, o partido esteve na chapa de Juliana Brizola (PDT).

A deputada estadual Franciane Bayer (PSB) chegou a declarar publicamente seu apoio: “Com propostas concretas e realistas para uma Porto Alegre melhor, o candidato Melo tem meu total apoio para conduzir nossa capital.”

Há rusgas entre o PCdoB e o PSB de eleições passadas. Mas, neste ano, a campanha da Manuela tomou dimensões nacionais. Apesar de não ser um nome de direita conservadora na cidade, Melo aglutina o antipetismo e o bolsonarismo na região.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.