Planalto faz balanço da articulação política: 181 parlamentares recebidos

Planalto faz balanço da articulação política: 181 parlamentares recebidos

Coluna do Estadão

09 de setembro de 2019 | 06h02

WERTHER SANTANA/ ESTADÃO

A articulação política do Planalto tabulou a quantidade de parlamentares recebidos pelo ministro Luiz Eduardo Ramos nos seus dois meses na Secretaria de Governo. Até o final de agosto, 146 deputados e 35 senadores foram recebidos, com um recesso no meio da conta e sem somar os que passaram pelo palácio fora da agenda. Entre os partidos, Podemos, MDB, PP, PSD, PSL e DEM lideram. Não é por falta de café que a relação com o Congresso ainda não está 100% azeitada: o governo espera destravar este mês as indicações para cargos nos Estados.

Vapt, vupt. Na Secretaria de Governo, mudaram também os protocolos no trato do palácio com o Congresso: demandas dos parlamentares devem ser respondidas, mesmo que com um “não”, em até 48 horas.

Xi. A indicação de Augusto Aras para a PGR deixou o PSL, mais uma vez, numa saia justa. Muitos do partido fizeram parte da “desconstrução” do procurador nas redes sociais. A partir de agora, no entanto, precisam, a pedido do presidente Jair Bolsonaro, ajudar a bancar a indicação.

Dor de… Governistas avaliam que o próximo cavalo de batalha no Congresso se dará em torno do PLN 18, projeto que pede a liberação de crédito suplementar para o Executivo sem quebrar regra de ouro.

…cabeça… O projeto devia ter sido votado. Mas a hesitação do presidente no caso dos vetos ao texto do abuso de autoridade acabou prolongando o atraso.

…pela frente. Os parlamentares esperavam para tomar o pulso de Bolsonaro na relação com o Congresso. Não gostaram do resultado final: 36 pontos em 19 artigos do projeto. Prometem troco.

SINAIS PARTICULARES. Sérgio Moro, ex-juiz e ministro da Justiça de Jair Bolsonaro


Moro…
Nos últimos dias, uma expressão usada por parlamentares passou a definir à perfeição a situação do ex-juiz Sérgio Moro no governo Jair Bolsonaro: o ministro da Justiça está montado em um porco.

…montado no porco. No Sul, montar no suíno significa “estar irritado ao extremo”; no Sudeste, a expressão é usado para quem, sob muita chateação, não aguenta mais e vai embora com pressa, sai batido, montado no animal.

CLICK. O senador Romário Faria brincou com o passado glorioso e rebelde: “Qual conselho vocês acham que o Romário de hoje deveria dar pra esse garotão aí?”

Pindaíba. Pelas contas do poderoso setor da construção civil, os atrasos nos repasses governamentais do programa Minha Casa, Minha Vida afetam hoje mais de mil contratos e cerca de 200 mil peões de obra.

No papel.
Há ainda, segundo o setor, 17 mil unidades contratadas no apagar das luzes pelo ex-ministro Alexandre Baldy que sequer começaram a ser construídas. As construtoras já alertaram o governo federal: mesmo com o anúncio de mais recursos, novas obras só serão iniciadas mediante pagamento adiantado.

Dida Sampaio / Estadão

BOMBOU NAS REDES
Eduardo Bolsonaro
Deputado federal (PSL-SP)
“Agradecemos a Deus, a toda equipe médica, do hospital e a todos que rezaram/oraram. A cirurgia foi um sucesso”, sobre a cirurgia de Jair Bolsonaro.

 

COM JULIANA BRAGA E MARIANNA HOLANDA


Coluna do Estadão:

Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Tendências: