Para Temer, derrota no Senado passou ideia de fim de governo

Andreza Matais

21 de junho de 2017 | 06h30

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Mesmo na Rússia, Michel Temer não escondeu sua irritação com a derrota na Comissão de Assuntos Sociais. Achou que o governo tinha votos para ganhar e passou, de graça, a impressão de que está sem o controle de sua base.

Mas Temer também foi criticado. Aliados do presidente afirmam que o governo teve “salto alto” e não checou se teria os votos para aprovar a proposta.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao