Para melhorar ambiente de negócios, governo Bolsonaro assina parceria com Banco Mundial

Para melhorar ambiente de negócios, governo Bolsonaro assina parceria com Banco Mundial

Juliana Braga

02 de maio de 2019 | 17h47

Presidente da Republica Jair Bolsonaro. FOTO: Dida Sampaio

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Floriano Peixoto, assinou acordo com o Banco Mundial para fazer um mapa detalhado das regulamentações no Brasil e o impacto no ambiente de negócios.

No ranking elaborado pela instituição com 190 economias, o Brasil alcançou no ano passado sua melhor posição, 109º. O objetivo do governo de Jair Bolsonaro é colocar o País entre os 50 primeiros até 2022.

Uma das principais estratégias do acordo será fazer o levantamento detalhado das regulamentações em todas as capitais brasileiras. Hoje, só são levados em consideração o Rio de Janeiro e São Paulo. Entre os indicadores analisados estarão as condições para abertura de empresas, para obtenção de alvarás de construção e de eletricidade, por exemplo.

Com esse mapa, o objetivo é buscar soluções e fazer sugestões para ajudar a destravar a economia. O trabalho contará com o apoio da Secretaria Especial de Modernização do Estado, vinculada à Secretaria Geral, e tem o prazo de 14 meses. (Juliana Braga)

Tendências: