Operação contra queimadas na Amazônia aplicou R$ 141 milhões em multas

Operação contra queimadas na Amazônia aplicou R$ 141 milhões em multas

Juliana Braga

29 de outubro de 2019 | 08h00

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, apresenta em coletiva nesta terça-feira, 29, um balanço da Operação Verde Brasil, deflagrada após as queimadas na Amazônia.

Queimada em Santo Antônio do Matupi, no sul do Amazonas. Foto: Gabriela Biló/Estadão

Em dois meses, de 24 de agosto a 24 de outubro, foram aplicados R$ 141 milhões em multas. Os recursos serão destinados ao Tesouro Nacional.

Nesse mesmo período, foram combatidos 1.835 focos de incêndio por via terrestre e aérea.

A operação envolve além da Defesa, a Polícia Federal, o Ibama, o ICMBio e forças de segurança locais. Em 23 de agosto, durante o auge da crise das queimadas na Amazônia, o presidente Jair Bolsonaro autorizou o emprego das Forças Armadas para a Garantia da Lei e da Ordem nos Estados da da região. (Juliana Braga)

Tendências: