Nova fase da Lava Jato é batizada de Operação Sépsis

-

Andreza Matais

01 Julho 2016 | 08h30

A nova fase da Lava Jato, deflagrada nesta sexta-feira, foi batizada de Operação Sépsis. O médico Drauzio Varella explica em seu site que trata-se de “uma doença sistêmica complexa e potencialmente grave. É desencadeada por uma resposta inflamatória sistêmica acentuada diante de uma infecção, na maior parte das vezes causada por bactérias. Essa reação é a forma que o organismo encontra para combater o micro-organismo agressor.”

A deflagração da operação foi antecipada pela Coluna do Estadão. O operador Lucio Bolonha Funaro foi preso. Ele é ligado ao presidente suspenso da Câmara, Eduardo Cunha. Endereços do lobista Milton Lyra, próximo do presidente do Senado, Renan Calheiros, foram alvo de busca e apreensão, assim como a empresa Eldorado Brasil, do mesmo grupo da JBS.