Na prisão, ex-assessor de Palocci toma medicamentos em excesso e é levado às pressas para hospital

Coluna do Estadão

03 de outubro de 2016 | 14h40

Foto: Divulgação PF

Foto: Divulgação PF

 

Braço direito do ex-ministro Antonio Palocci, Branislav Kontic foi internado às pressas no sábado por ingestão excessiva de medicamentos. Ele e Palocci estão presos desde a última segunda-feira, acusados de envolvimento em esquema de corrupção investigado pela 35a fase da Operação Lava Jato. No hospital ele foi submetido a tratamento. Já recuperado, foi transferido da superintendência da PF em Curitiba para o Complexo Médico Penal (CMP). Palocci também será transferido para o CMP. Na superintendência, o ex-ministro ocupa uma cela sozinho.  (Andreza Matais)