Museu Nacional: Ministro da Cultura diz que “certamente tragédia poderia ter sido evitada”

Museu Nacional: Ministro da Cultura diz que “certamente tragédia poderia ter sido evitada”

Andreza Matais

02 Setembro 2018 | 22h18

Sérgio Sá Leitão, ministro da Cultura Foto: Fabio Motta/Estadão

 

O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, compartilhou pelo WhatsApp uma mensagem sobre o incêndio que atinge o Museu Nacional, do Rio de Janeiro, na qual diz que “certamente a tragédia poderia ter sido evitada”. “Aparentemente vai restar pouco ou nada do prédio e do acervo exposto… Temos que cuidar muito melhor do nosso patrimônio e do acervo dos museus”, escreveu o ministro, a quem está subordinado o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). Conforme a Coluna mostrou, o Ibram está sem presidente desde sexta-feira, quando Marcelo Araújo deixou o cargo após dois anos.

Na mensagem, a que a Coluna teve acesso, o ministro diz que “é vital refazer o Museu Nacional, revendo também seu modelo de gestão. E investir agora para que isso não aconteça nos demais museus públicos e privado”. Sá Leitão afirma, ainda, que “tem procurado ajudar a instituição” e que o BNDES assinou em junho contrato de patrocínio de R$ 21,7 milhões para diversas ações. “Infelizmente não foi o suficiente”, lamenta.   (Andreza Matais)