Menor suspeito de ser terrorista é recolhido em instituição pública

-

Coluna do Estadão

29 de julho de 2016 | 15h56

A Polícia Federal, em conjunto com a Polícia Civil de Goiás, cumpriu hoje (29) mandado de internação de menor envolvido na Operação Hashtag.

Após verificar a participação do adolescente de 17 anos no grupo investigado, a PF noticiou o fato às autoridades estaduais de Goiás, em obediência ao que dispõe o Estatuto da Criança e do Adolescente.

A medida foi tomada pelo Juizado da Infância e Juventude de Goiás, que determinou o recolhimento do menor em instituição pública adequada.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.