Madrinha de escola apoiou campanha de Paulo Ferreira em 2014

Madrinha de escola apoiou campanha de Paulo Ferreira em 2014

-

Coluna do Estadão

04 de julho de 2016 | 15h05

10653646_819290541457240_6409666835703601569_n

Imagem: Reprodução/Facebook

A sambista Viviane Rodrigues, que recebeu R$ 58 mil do ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira, apoiou sua campanha à Câmara dos Deputados em 2014. Em uma imagem publicada na página do Facebook do petista, há um texto atribuído à Viviane em que ela afirma que “o compromisso e empenho do deputado Paulo Ferreira com a cultura popular são as maiores conquistas do carnaval gaúcho nos últimos anos.”

Segundo delação do ex-vereador do PT Alexandre Romano à Operação Lava Jato, Viviane recebeu 18 transferências bancárias de R$ 3,5 mil, entre 16 de dezembro de 2011 e 28 de agosto de 2012. Paulo Ferreira teria usado a escola de samba gaúcha Estado Maior da Restinga, da qual a sambista é madrinha de bateria, para lavar dinheiro de corrupção, segundo despacho do juiz Sérgio Moro.

Na imagem, Viviane ainda afirma: “A partir da nossa organização e das articulações políticas do seu mandato, as escolas de samba gaúchas tiveram vez e voz. E para que avancemos ainda mais é preciso um novo mandato a Paulo Ferreira. É nele que vou votar dia 5 de outubro. Somos todos Paulo Ferreira, somos todos 1351. Esse fala e faz!”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.