Lula informa à Justiça R$ 12 mi de patrimônio

Lula informa à Justiça R$ 12 mi de patrimônio

Coluna do Estadão

28 Junho 2018 | 05h30

Ex-presidente Lula. Foto: Paulo Brazil

Os advogados do ex-presidente Lula retificaram à Justiça o patrimônio que ele e dona Marisa Letícia tinham dentro do processo de inventário da ex-primeira-dama. Em 19 de junho, acrescentaram três aplicações financeiras, o que elevou o total do patrimônio do casal para R$ 12,3 milhões. Num fundo imobiliário do BB, os advogados informaram que o casal detinha 500 mil cotas, o equivalente a R$ 62 milhões. Após questionamento da Coluna, a assessoria do petista disse que se trata de erro de digitação. O valor correto seria R$ 62 mil, referente a 500 cotas.

Meeiro. Pela lei, metade desse patrimônio será herdada por Lula. O restante será dividido igualmente entre os quatro filhos do casal. O inventário corre na 1.ª Vara de Família e Sucessões da Comarca de São Bernardo do Campo.

De olho. O presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) ligou para o presidente do Solidariedade, Paulinho da Força, para avisá-lo da intenção de convidar Aldo Rebelo para ser seu vice.

Conselho. Foi o comandante do Exército, general Villas Bôas, que aconselhou Alckmin a procurar o ex-ministro da Defesa e pré-candidato do Solidariedade.

Contra a parede. Líderes partidários do DEM-PP-PRB-SD pressionam o presidente do PR, Valdemar da Costa Neto, a não apoiar Jair Bolsonaro. Alegam que a sigla será cobrada por tornar viável a campanha do controverso presidenciável na TV. Sem alianças, ele terá 10 segundos; com o PR ficará com 2min15s.

Sobe… O senador Agripino Maia avalia desistir de sua candidatura à reeleição em troca do apoio do Podemos e do PROS à candidatura de Carlos Eduardo Alves (PDT) ao governo do RN. Maia daria a vaga para o deputado Antônio Jácome (Pode), da base evangélica.

…desce. Denunciado pela PGR, Maia se candidataria à Câmara dos Deputados. O filho, Felipe, deixaria o mandato na Casa para cuidar da empresa dele.

Continência. O presidenciável Henrique Meirelles (MDB) se encontrou, ontem, dia do Jogo do Brasil, com o ex-senador José Sarney (MDB) e Ciro Nogueira, presidente do PP.

Nas entrelinhas. Interlocutores da J&F respiraram aliviados com um trecho do despacho do ministro Edson Fachin, do Supremo, que decidiu enviar para o plenário da Corte a decisão sobre revogar ou não o acordo de delação premiada de executivos do grupo. Ao determinar a abertura de inquéritos a partir dos depoimentos, Fachin escreveu que não fazia juízo de valor sobre a rescisão.

Todo cuidado… Grace Mendonça, da AGU, está revisando cada vírgula do acordo de leniência da Odebrecht, cuja assinatura já foi marcada e remarcada mais de uma vez. Pela complexidade e simbologia, Grace tenta evitar brechas para questionamentos posteriores.

Ocupação. A Câmara começou a cobrar aluguel de dois ex-deputados que, apesar de estarem sem mandato, não entregaram os imóveis funcionais. Marcelo Aguiar (DEM-SP) deveria ter saído desde 5 de maio e de Dilceu Sperafico (PP-PR), em 17 de junho.

CLICK. Uma modernização no site da CGU vai permitir que o cidadão monitore os dados de liberação de emendas para parlamentares. A página começa a funcionar hoje.

Batata quente… Não caiu nada bem nas Forças Armadas a recente declaração do ministro Raul Jungmann de que a intervenção no Rio deveria ser prorrogada além de dezembro.

…queimou. Há uma percepção de que, ainda assim, o tempo não seria suficiente para resolver a situação. E mais: expõe os militares ao jogar no colo deles a solução para um problema que não criaram.

SINAIS PARTICULARES: Raul Jungmann, ministro da Segurança Pública; por Kleber Sales

Vamos todos juntos. O TSE deve formalizar hoje a assinatura de um acordo com Google e Facebook para o combate às fake news.

PRONTO, FALEI! 

Foto: Dida Sampaio/Estadão

“Deve ser duro se alegrar com dois ministros na solidão do Palácio sabendo que milhões celebram a alegria da praça”, DO DEPUTADO CHICO ALENCAR (PSOL-RJ) sobre Temer assistir ao jogo no Planalto.

COM REPORTAGEM DE NAIRA TRINDADE E JULIANA BRAGA

Coluna do Estadão:
Twitter:
 @colunadoestadao
Facebook:
 facebook.com/colunadoestadao
Instagram:
 @colunadoestadão