Lira diz que cabe à Polícia Legislativa avaliar ‘necessidade do pedido’ de segurança a Miranda

Lira diz que cabe à Polícia Legislativa avaliar ‘necessidade do pedido’ de segurança a Miranda

Marianna Holanda

25 de junho de 2021 | 23h24

Foto: Gabriela Biló/Estadão

Interpelado por senadores da CPI da Covid para garantir proteção ao deputado Luis Miranda (DEM-DF), o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), foi taxativo: “Depol (Departamento de Polícia Legislativa) avalia a necessidade do pedido”.

“Qualquer demanda de ameaça a deputados, o Depol investiga e, se houver necessidade, atende”, disse o presidente da Casa.

Lira foi citado nominalmente pelo presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), solicitando segurança ao parlamentar. A CPI já pediu também à Polícia Federal segurança aos dois, mas não obteve retorno até agora.

Miranda foi à CPI da Covid nesta sexta-feira, 25, e denunciou suposta irregularidade em contrato da Covaxin, ao lado de seu irmão, servidor Luis Ricardo Miranda.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.