Leia a íntegra da carta de demissão de Marcelo Calero

Coluna do Estadão

18 de novembro de 2016 | 20h21

Leia a íntegra da carta de demissão do ministro da Cultura, Marcelo Calero:

Brasília, 17 de Novembro de 2016.

Ao Excelentíssimo Senhor Presidente da República Michel Temer,

Agradeço a honra a mim concedida com o convite para ser Ministro de Estado da Cultura do Brasil de seu governo.

Venho solicitar minha demissão em caráter irrevogável por razão de ordem pessoal.

Durante os últimos seis meses, empreguei o melhor dos meus esforços, apoiado por uma equipe de extrema qualidade para pensar a política cultural brasileira.

Saio do Ministério da Cultura com a tranquilidade de quem fez tudo o que era possível fazer, frente os desafios e limitações com os quais me defrontei. E que o fez de maneira correta e proba.

Respeitosamente,
Marcelo Calero Faria Garcia

 

(Naira Trindade)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.