Justiça determina que Pimentel apresente dados sobre voos em 2015

Andreza Matais

16 de outubro de 2017 | 15h47

Ilustração: Kleber Sales/Estadão

 

O juiz da Primeira Vara de Fazenda Pública de Belo Horizonte determinou que o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), forneça a relação dos voos que fez em 2015 com aeronave alugadas pelo governo estadual. O mandado de segurança foi impetrado pelo deputado estadual Sargento Rodrigues (PDT). A discussão vinha se arrastando há quase dois anos.

O juiz Michel Curi e Silva afirmou que a divulgação dos dados não coloca a segurança do governador em “perigo…,mormente quando se vê que as informações pleiteadas se referem a fatos pretéritos e a rotas traçadas no ano de 2015”.

Na decisão, ele determina que seja divulgada “a relação dos voos realizados em 2015 pelo Senhor Governador em aviões fretados pelo governo junto à Lider Táxi Aéreo, com data, trajeto, lista de passageiros e motivo da viagem”. E também a “situação de cada aeronave do governo nas datas em que o Governador utilizou o serviço de fretamento de aeronaves junto à Líder Táxi Aéreo em 2015, evidenciando se as aeronaves estavam em manutenção, disponível para voo ou sendo utilizadas por outro membro do governo, indicando neste caso o membro do governo, o trajeto e o motivo da viagem”. (Andreza Matais)

Leia a íntegra da decisão:

Documento

 

Tendências: