Jucá entrega liderança, mas mantém irmã empregada no governo

Jucá entrega liderança, mas mantém irmã empregada no governo

Juliana Braga

29 de agosto de 2018 | 06h30

Senador Romero Jucá (MDB-RR). Foto: André Dusek/Estadão

O senador Romero Jucá (MDB-RR) entregou a liderança do governo no Senado na última segunda-feira, 29, mas não devolveu os cargos que indicou no Executivo.

Ele mantém, por exemplo, a indicação de Helga Jucá, sua irmã, na Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres. Ela ocupa cargo comissionado no órgão, vinculado à Presidência da República. Seu salário-base é de R$ 13 mil, segundo o Portal da Transparência.

Por meio da assessoria, Jucá disse que apenas deixou a liderança “porque discorda da questão de Roraima”. ” Em relação às outras medidas, como as de recuperação econômica e políticas públicas, o senador mantém seu apoio. Em nenhum momento ele rompeu com o governo”, justificou a assessoria. (Juliana Braga)

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.