Joesley Batista presta depoimento à PF em inquérito que investiga Temer

Andreza Matais

16 de junho de 2017 | 13h22

 

O empresário Joesley Batista prestou novo depoimento nesta sexta-feira, desta vez para a Polícia Federal. Conforme revelou a Coluna do Estadão, ele está no Brasil desde o último domingo (11), vindo da China.

Joesley falou no inquérito que investiga o presidente Michel Temer. A Polícia Federal deve concluir o caso até segunda-feira, por determinação do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal.

Em delação premiada, Joesley acusou Temer de receber propina da JBS, empresa da qual é controlador. A partir da delação, foi aberto inquérito contra Temer para investigar crimes de corrupção, obstrução à Justiça e organização criminosa.

Após a conclusão do inquérito, a Procuradoria-Geral da República vai apresentar denúncia contra Temer. Conforme a Coluna revelou hoje, a PGR tem cinco dias para se posicionar. Como o prazo da PF se encerra na segunda-feira, Janot pode se manifestar até segunda, 26.

Na última segunda-feira, Joesley prestou depoimento para a Procuradoria da República do DF no âmbito da Operação Bullish.