Janaína Paschoal critica fala de Bolsonaro sobre pai do presidente da OAB: ‘Absolutamente desnecessária’

Janaína Paschoal critica fala de Bolsonaro sobre pai do presidente da OAB: ‘Absolutamente desnecessária’

Marianna Holanda

29 de julho de 2019 | 21h56

Janaina Paschoal Foto: Clayton de Souza/Estadão

A deputada estadual Janaína Paschoal (PSL-SP) classificou as declarações de Jair Bolsonaro sobre o pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, como “absolutamente desnecessárias”. 

O presidente disse nesta segunda-feira, 29, que Fernando Santa Cruz, militante da Ação Popular (AP) desaparecido durante a ditadura, não teria sido morto por militares

Seu atestado de óbito, contudo, como mostrou o BR-18, diz que ele morreu “de causa não natural, violenta, causada pelo Estado brasileiro, no contexto da perseguição sistemática e generalizada à população identificada como opositora política ao regime ditatorial de 1964 a 1985″.

“Esse tema suscita muitas memórias, abre feridas. Melhor seria que ele deixasse de se manifestar a esse respeito e tomasse mais cuidado com as falas em geral. Essas falas findam nublando as boas ações do governo.”, disse à Coluna a autora do impeachment.

“Estamos todos na torcida pelo sucesso do governo, mas o Presidente precisa ajudar. Essa sucessão de confusões acaba prejudicando demais”, completou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.