Jair Bolsonaro e Joe Biden negociam um encontro em junho, nos EUA

Jair Bolsonaro e Joe Biden negociam um encontro em junho, nos EUA

Mariana Carneiro, Felipe Frazão, Matheus Lara e Gustavo Côrtes

08 de maio de 2022 | 05h01

O governo do americano Joe Biden acenou com a possibilidade da primeira reunião bilateral com Jair Bolsonaro durante a Cúpula das Américas, em Los Angeles, entre 6 e 10 de junho. Até hoje, os dois presidentes só trocaram cartas, em tom protocolar. Bolsonaro, que torceu pela eleição de Donald Trump, levou dias para cumprimentar o democrata após sua vitória. Diplomatas de alto escalão dos EUA avisaram ao Itamaraty que, se Bolsonaro comparecer à cúpula, há chance de um encontro, algo que poderia ser explorado politicamente por ambos. Bolsonaro conseguiria um verniz externo, e o americano um sinal de que o governo brasileiro não aprofundaria a relação com o russo Vladimir Putin.

POLÍTICA… Bolsonaro ainda não bateu o martelo sobre a viagem a Los Angeles. O Itamaraty entende que o diálogo entre os presidentes seria proveitoso para quebrar o gelo. Diplomatas brasileiros e americanos em Brasília, Washington e Califórnia trabalham nos preparativos.

…INTERNA. Ninguém duvida, porém, que Bolsonaro possa desprezar o encontro só para fazer média com seu eleitorado mais fiel, identificado com Trump. A Cúpula das Américas é o maior evento de política externa de Biden para a região e vai tratar de ameaças à democracia.

SINAIS PARTICULARES (por Kleber Sales). Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, e Joe Biden, presidente dos EUA.

LETRAS. A cadeira de Lygia Fagundes Telles na ABL será disputada por um paulista e um mineiro. O escritor paulistano Jorge Caldeira conta com o apoio de FHC e Celso Lafer. Já o romancista Silviano Santiago, de Formiga (MG), tem a torcida de Nélida Piñon, José Murilo de Carvalho e João Almino.

PRONTO, FALEI! Tiago Mitraud, deputado federal (Novo-MG)

“As greves dos funcionários da Receita Federal e do Banco Central foram estimuladas pelo viés eleitoreiro do Bolsonaro com suas bases policiais.”

CLICK. Sérgio Moro, ex-juiz

Participou de reunião com o deputado federal Júnior Bozzella, o advogado Luis Felipe Cunha e sua mulher, Rosângela Moro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.