Impeachment de ministros do STF une Janaína Paschoal a senadores

Impeachment de ministros do STF une Janaína Paschoal a senadores

Coluna do Estadão

13 de agosto de 2019 | 05h00

Deputada estadual Janaina Paschoal. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

A deputada estadual e professora de Direito Janaína Paschoal (PSL-SP) vai ajudar no corpo a corpo em Brasília pelo andamento dos pedidos de afastamento de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Ela tem encontro marcado hoje com senadores insatisfeitos com Davi Alcolumbre (DEM-AP), no gabinete de Lasier Martins (Podemos-RS). Num ato político, o grupo vai tentar entregar ao presidente do Senado o pedido de impedimento de Dias Toffoli, protocolado semana passada por Janaína, artífice do impeachment de Dilma Rousseff.

J’accuse!. A deputada estadual apresentou, no último dia 30, o pedido de impedimento do presidente do Supremo. A justificativa é o fato de Toffoli ter suspenso todos os processos judiciais envolvend dados compartilhados pelo Coaf e Receita sem autorização prévia da Justiça.

Pressão. “Chegará o momento em que Davi será forçado a pautar o impeachment de ministros do STF porque o Brasil exige isso”, disse à Coluna o autor da CPI da Lava Toga, Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

Ops. O grupo, de 12 senadores, tinha encontro marcado com Alcolumbre na semana passada. Tomou bolo dele duas vezes.

Mais um. A propósito, o volume deve crescer: o senador Jorge Kajuru, recém-filiado ao Patriota (GO), disse já ter 32 assinaturas para um novo pedido de impedimento de Gilmar Mendes. São necessárias 29 para dar seguimento.

SINAIS PARTICULARES.

Jorge Kajuru, senador (Patriota-GO).

Kleber Sales

Carta… Os defensores do subprocurador-geral da República Paulo Gonet para comandar a PGR desenterraram um episódio de 2016 para aumentar seu passe com o presidente.

…na… Encarregado de atuar perante a 1.ª Turma do STF, Gonet optou por não fazer sustentação oral em relação à denúncia contra Bolsonaro, então deputado federal e réu por incitação ao crime de estupro por comentários relacionados a Maria do Rosário.

…manga. A interlocutores, Gonet disse que a denúncia era descabida. O procurador tem bom trânsito com conservadores.

Porém… Mesmo aliados de Gonet acham que a proximidade dele com Gilmar Mendes diminui suas chances de ser o PGR.

Engorda. É grande a procura de deputados em busca de migrar para o PL (até recentemente denominado PR). A estimativa é chegar a uma bancada de 43 parlamentares até o fim do ano.

Ajuste… O governo e o relator da Medida Provisória da Liberdade Econômica, deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), fizeram mudanças até o último minuto no texto que deverá ser votado hoje no plenário da Câmara. A MP é prioritária para Jair Bolsonaro.

…fino. Uma dessas alterações de última hora foi deixar bem claro que, ao liberar o trabalho em bancos aos sábados e domingos, não será alterada a lei que autoriza o pagamento de boletos vencidos no fim de semana na primeira segunda-feira subsequente.

CLICK. O governador Wilson Witzel foi tietado em um voo comercial de Brasília ao Rio de Janeiro. A quem o cumprimentou, disse que ser governador “dá trabalho”.

Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel. Foto: Coluna do Estadão

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Contra… Apesar de ter incluído o Imposto sobre Valor Agregado entre os pilares da reforma tributária proposta pelo governo, Marcos Cintra foi um ferrenho crítico ao IVA durante a campanha eleitoral.

…ou a favor? Em artigo publicado em outubro do ano passado, o secretário da Receita desancou o imposto, defendido por Paulo Guedes: “Insistir nessa proposta será desastroso”, escreveu Cintra. A falta de convicção e de clareza do governo em sua proposta impressiona os deputados

PRONTO, FALEI!

Deputado Augusto Coutinho. FOTO: CLEIA VIANA/CÂMARA DOS DEPUTADOS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Augusto Coutinho, líder do Solidariedade na Câmara: “Os fundamentos são bons, mas o relator extrapolou. Questões pontuais podemos acatar. Senão, vai caducar”, sobre prazo da MP da Liberdade Econômica.

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG, JULIANA BRAGA E MARIANNA HOLANDA. COLABOROU BRENO PIRES

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Tendências: