Ibope baixa bola na campanha dos tucanos

Ibope baixa bola na campanha dos tucanos

Coluna do Estadão

21 de setembro de 2020 | 05h00

Foto: Tiago Queiroz/ESTADÃO

A pesquisa Ibope divulgada pelo Estadão ajudou as campanhas a montarem seus mapas da guerra neste início de disputa na capital paulista. No PSDB, a análise do copo “meio cheio” é de que o resultado baixa a bola de quem já imaginava Bruno Covas no segundo turno. Com 18% das intenções, o tucano precisará de muito trabalho e dedicação para defender sua gestão. A do copo “meio vazio”: se Celso Russomanno, com 24%, crescer e se consolidar na liderança, o prefeito será o alvo preferencial dos candidatos que estão embaixo dele na pesquisa.

Abracadabra. Para Russomanno, a mágica será buscar a adesão total dos bolsonaristas (a campanha acha que ela ainda não ocorreu), mas sem deixar que a rejeição a Jair Bolsonaro afaste quem simpatiza com o candidato do Republicanos, mas não com o presidente.

Obstáculo. Outro desafio é acabar com a mística de que ele é o mais fácil de ser batido no segundo turno.

Ainda… No PSDB e no PT há muita gente com alta capacidade analítica ciente de que o eleitor ainda não identifica a ligação de Russomanno com Bolsonaro.

…é cedo. Quando isso acontecer, a eleição certamente irá mudar, seja porque o candidato do Republicanos crescerá ou sofrerá impacto negativo.

Ixi. Ao menos na largada da campanha, a pesquisa também enterra de vez a história de que Russomanno entrou na última hora na disputa com objetivo apenas de atacar João Doria (PSDB) como linha auxiliar de Bolsonaro rumo a 2022.

Horizonte. As questões de Bolsonaro com Doria vão além da eleição. O presidente sabe ser grande a possibilidade de a economia paulista crescer e gerar empregos, o que impulsionaria a imagem do governador no País. Há ainda a boa capacidade de articulação política do tucano.

Corra. No PT, o entendimento é de que Jilmar Tatto, com 1% das intenções, precisa reagir rápido. Caso contrário, deverá ser vítima do voto útil da esquerda em Guilherme Boulos (PSOL), que no imaginário de muitos desses eleitores reencarna o Lula dos primeiros anos de militância.

SINAIS PARTICULARES.
Guilherme Boulos, coordenador do MTST e candidato à Prefeitura de São Paulo

Ilustração: Kleber Sales

Inclusão… A Secretaria Nacional do Consumidor vai elaborar cartilha informativa sobre os direitos dos consumidores com deficiência. Os recursos serão do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) e o edital para contratação de consultoria especializada já foi publicado no Diário Oficial da União.

…para todos. A ação será anunciada hoje, Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência. De acordo com a pasta são 45,6 milhões de consumidores desse grupo no país. A cartilha será publicada em meio digital, em formatos acessíveis.

CLICK. O deputado federal Vinícius Poit (Novo-SP) aproveitou o fim de semana para fazer a trilha da Serra do Mar (SP). Com ele na foto, sua namorada, Evelyn Machry.

Reprodução/Instagram

BOMBOU NAS REDES!

Luiz Eduardo Ramos. FOTO: MARCELLO CASAL JR./AG. BRASIL

Luiz Eduardo Ramos, ministro da Secretaria de Governo: “Após a visita de Bolsonaro ao Mato Grosso (18/09), no dia seguinte, começa chover! Deus está com nosso presidente e continuará a abençoar o Brasil.”

COM ALBERTO BOMBIG E MARIANA HAUBERT. 

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: