Governo manda ministro votar reforma, mesmo com suplente a favor

Governo manda ministro votar reforma, mesmo com suplente a favor

Luiza Pollo

27 de abril de 2017 | 06h30

Foto: Facebook/PSDB

Ao convocar ministros para votar a reforma trabalhista, o governo acabou afastando até deputados favoráveis à proposta, como Guilherme Coelho (PSDB-PE). “Eu acredito que esta reforma vai gerar milhares de empregos”, diz o tucano.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: