Governo já analisa reformulação do Fies

Governo já analisa reformulação do Fies

.

Luiza Pollo

11 de janeiro de 2017 | 05h00

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Um grupo de estudos formado por técnicos dos Ministérios da Educação e da Fazenda avalia a possibilidade de reformulação do Financiamento Estudantil (Fies) a longo prazo. Preocupados com o diagnóstico do Tribunal de Contas da União (TCU) que estima um déficit de R$ 20 bilhões no programa no início da próxima década, os técnicos estudam possível migração de parte dos financiamentos estudantis para o Programa Universidade Para Todos (ProUni), que consiste na entrega de bolsas a alunos em troca da renúncia fiscal às instituições.

O ministro da Educação, Mendonça Filho, afirmou que os estudos são preliminares e ainda não há definições. A mudança necessita de critérios para transformar financiamento em fundo perdido.

“O grupo estuda o futuro da sustentabilidade do Fies, levando em consideração a preservação do programa”, defende Mendonça Filho.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Fies

Tendências: