Governadores de 20 Estados pedem ‘urgente aprovação’ da PEC do Fundeb

Governadores de 20 Estados pedem ‘urgente aprovação’ da PEC do Fundeb

Marianna Holanda

20 de julho de 2020 | 19h50

Governadores de 20 Estados assinaram uma nota de apoio ao relatório da Professora Dorinha (DEM-TO)  para a PEC do Fundeb. Eles pedem ainda a urgente aprovação do texto.

Articulado pela governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), o texto deve ser finalizado na noite desta segunda-feira, 20. Ela é autora da PEC, quando senadora na legislatura passada. 

“Diante do iminente término da vigência do Fundo, faz-se necessária a urgente aprovação”, diz a nota.

O grupo está preocupado com o iminente fim do fundo, que financia a educação básica no País. “(A proposta da relatora) Sintetiza formulações de diversos setores da sociedade e permite aos entes federativos avançar nos aspectos fundamentais da matéria: acesso, qualidade e valorização dos profissionais de educação”, diz 

Por causa de um impasse entre governo e Congresso, a votação foi adiada para terça-feira, 21. A contra-proposta apresentada pela articulação política de Jair Bolsonaro ao texto de Dorinha foi amplamente criticada por parlamentares e especialistas do setor. 

A nota de Fátima Bezerra não teve o apoio de alguns governadores, em especial do Sul, como Eduardo Leite (PSDB-RS) e Ratinho Jr (PSD-PR). 

Quem declarou o apoio ao texto da relatora: Gladson Cameli (AC), Renan Filho (AL), Waldez Goés (AP), Rui Costa (BA), Camilo Santana (CE), Ibaneis Rocha (DF), Renato Casagrande (ES), Ronaldo Caiado (GO), Mauro Mendes, Reinaldo Azambuja (MS), Flavio Dino (PCdoB-MA), Helder Barbalho (PA), João Azevedo (PB), Paulo Camara (PE), Wellington Dias (PI), Fátima Bezerra (RN), Antonio Denarium (RO), João Doria (SP),  Belivaldo Chagas (SE) e Mauro Carlesse (TO).

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: