Fronteiras preocupam governadores do Norte

Fronteiras preocupam governadores do Norte

Coluna do Estadão

14 de março de 2020 | 05h00

Fronteira Venezuela Brasil

Foto: Joédson Alves / EFE

Diante do avanço do coronavírus, parlamentares e governadores do Norte já avisaram ao governo federal de sua preocupação com as fronteiras. Como os vizinhos são menos extensos e têm estruturas mais precárias, há um temor de que o vírus se alastre pela região. No Amapá, o senador Randolfe Rodrigues (Rede) pediu, em ofício à Saúde, “atenção especial”; a vizinha Guiana já registrou uma morte pela covid-19. O governo tem duas opções: intensificar a vigilância sanitária ou fechar as fronteiras, gesto considerado muito extremo.

E nós? Na reunião de Luiz Henrique Mandetta e Paulo Guedes com parlamentares nesta semana, o senador Eduardo Braga (MDB-AM) demonstrou a mesma preocupação. O governador do Amazonas, Wilson Lima, também está atento às fronteiras.

Vai que. O governo já avalia um pedido do governador de Roraima, Antonio Denarium, de fechar a fronteira com a Venezuela, considerada o ponto de maior preocupação pela Saúde. Ontem, o país vizinho confirmou dois casos.

Quem toca. A questão está sendo discutida pela Defesa e pelo Itamaraty. Durante a reunião ministerial, o ministro Sérgio Moro (Justiça) teria se manifestado a favor da medida.

CLICK. O presidente da Embratur, Gilson Machado Neto, que também esteve nos EUA com a comitiva presidencial, realizou teste do coronavírus. Resultado deve sair hoje.

Foto: Coluna do Estadão

Presente… Os atos marcados para hoje, por ocasião dos dois anos do assassinato da vereadora Marielle Franco e de Anderson Gomes, foram cancelados também devido ao coronavírus.

…em casa. O protesto foi substituído por um “Amanhecer com Marielle”, em que cada manifestante colocará na janela de sua casa um lenço amarelo, espécie de ato silencioso.

Mais perto. A propósito, a expectativa de quem acompanha o caso Marielle de perto é de que deve haver uma operação próxima à data do assassinato, com novas prisões. Em 14 de março do ano passado, foram presos Ronnie Lessa e Élcio Vieira de Queiroz.

What? A CPI mista de Fake News criou uma inesperada parceria. Quem colhia assinaturas para sua prorrogação na Câmara foi o PT e… Alexandre Frota (PSDB-SP), ex-bolsonarista.

SINAIS PARTICULARES. 
Alexandre Frota, deputado federal (PSDB-SP)

Ilustração: Kleber Sales

Não tá… Davi Alcolumbre estava sendo desaconselhado a suspender os trabalhos do Congresso por causa do coronavírus, mas, com a confirmação de que Nelsinho Trad (PSD-MS) testou positivo, as chances de que o Legislativo pare aumentaram.

…comigo. Caso os trabalhos continuem, a avaliação é de que não haverá quórum para as sessões, o que naturalmente esvaziaria a pauta dos próximos dias.

Pera lá… Parlamentares do Centrão foram elogiosos ao pacote de medidas emergenciais proposto por Paulo Guedes. O que não significa, sublinham, que a barra do ministro esteja limpa. A relação continuará azeda.

…como é? Entre as propostas apresentadas ontem pelo ministro, a linha de crédito rural de R$ 5 bilhões não era novidade. Já vinha sendo gestada há algum tempo com Tereza Cristina (Agricultura).

Em casa. Marcelo Álvaro Antônio (Turismo) deverá ficar em isolamento nos próximos dias. Ele voltou de um compromisso de trabalho em Portugal. A equipe que o acompanhou também foi orientada a ficar em reclusão domiciliar.

PRONTO, FALEI!

Foto: Nilton Fukuda/Estadão

Tasso Jereissati, senador (PSDB-CE): “Se o Brasil tivesse um modelo de saneamento básico ótimo, o agravamento da crise do coronavírus que se projeta no País seria muito menor.”

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG, MARIANA HAUBERT E MARIANNA HOLANDA. COLABOROU FELIPE FRAZÃO.

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.