‘Fator Bolsonaro’ deixa corrida por PGR incerta

‘Fator Bolsonaro’ deixa corrida por PGR incerta

Coluna do Estadão

03 de junho de 2019 | 05h00

Presidente Jair Bolsonaro; FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

Não bastasse o número recorde de candidatos à Procuradoria-Geral da República, a disputa tem mais um complicador: a imprevisibilidade de Jair Bolsonaro. Apesar de já ter dito não estar amarrado à lista tríplice da associação dos procuradores, concorrentes não apostam nem em uma direção, nem na outra. Tampouco sabem como fazer campanha. Em outros tempos, o comum era pedir uma palavrinha com ministros do Supremo e senadores, responsáveis pela sabatina. A percepção agora é de que, fora os filhos, Bolsonaro ouve pouca gente

Afasta de mim. No que depender do Senado, qualquer candidato fora do grupo de Rodrigo Janot tem mais chance. Os parlamentares ainda estão traumatizados com as denúncias protocoladas por ele.

Camomila. Em jantar com deputados, o presidente do STF, Dias Toffoli, defendeu o tal Pacto dos Poderes. O objetivo, disse, era acalmar a cúpula dos Poderes e segurar as teorias conspiratórias. A aposta deu certo, a semana foi mais tranquila em Brasília.

Se vira… O presidente da CCJ, Felipe Francischini (PSL-PR), está levantando todos os projetos da Casa que tratam sobre desarmamento, assunto que o ministro da Casa Civil deve tratar quando for ao colegiado.

… nos 30. A ideia do deputado é blindar o decreto, encontrando possíveis lacunas e projetos que possam contemplá-las. O pente-fino ficará a cargo de Trutis (PSL-MS), presidente da bancada armamentista.

SINAIS PARTICULARES

GOVERNADORES.

Belivaldo Chagas (PSD-SE)

Kleber Sales

Drive-thru… Em duas semanas de funcionamento, o gabinete de Inteligência da Previdência, na Câmara, tem atendido majoritariamente governistas. A equipe de três técnicos da economia passa os dias fornecendo dados e argumentos para a defesa da PEC.

… de números. A grande pedida é o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Eles também gravam vídeos rápidos, a pedido de parlamentares, defendendo teses, para que repassem a eleitores por WhatsApp.

Help!. A reunião de Samuel Moreira com governadores tucanos hoje não deve ter grandes anúncios. Pelo menos não do relator.

CLICK. Depois de uma reunião seguida de almoço com feijoada, parte do secretariado e da bancada de São Paulo jogou  bola na casa do governador João Doria (PSDB).

 

Crédito: Assessoria João Doria

Sem exposição. Não é à toa, no novo Código de Ética do MDB, a previsão de expulsão automática de integrantes condenados em 2.ª instância. Desse maneira, ninguém precisa ser o carrasco de um correligionário.

No… A Agência Nacional de Águas (ANA) inicia hoje uma consulta pública para tentar baratear os gastos com energia elétrica na Transposição do São Francisco, responsável por 70% dos custos de operação.

…atacado. Por enquanto, a sugestão da agência é os Estados receptores preverem o consumo do ano corrente e os dois seguintes para a Codevasf poder comprar a energia em grandes quantidades. Hoje, a previsão é só para o mês.

PRONTO, FALEI!

Dida Sampaio/Estadão

Marcelo Ramos (PL-AM), presidente da Comissão Especial da reforma da Previdência: “O melhor relatório é o que tem voto. Não pode acontecer o mesmo que na CCJ, em que o texto não teve consenso e atrasou a reforma em uma semana”.

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG, JULIANA BRAGA E MARIANNA HOLANDA

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.