Executiva do PPS decide não obrigar voto sim na PEC do Teto

Coluna do Estadão

19 de outubro de 2016 | 16h25

 Roberto Freire (PPS). Foto: Divulgação

Roberto Freire (PPS). Foto: Divulgação

 

A Executiva Nacional do PPS decidiu não obrigar a bancada do partido a fechar questão em torno da PEC do Teto, em reunião nesta quarta-feira. O presidente da sigla, deputado Roberto Freire (SP), disse que não é uma tradição do partido deliberações nesse sentido. A reunião foi convocada, contudo, depois de três deputados votarem contra a emenda  e um deles não comparecer no primeiro turno. A bancada tem oito deputados.

A bancada está reunião agora para deliberar sobre se fecha questão ou permite que cada um vote como quiser no segundo turno. O partido participa da base de apoio de Temer, que tem na PEC um dos principais pontos do seu governo.