Empresa de saneamento bancou até coquetel em palácio do Governo de Goiás

Luiza Pollo

24 de agosto de 2016 | 13h08

Fábio Fabrini e Andreza Matais

Dinheiro da Empresa de Saneamento de Goiás (Saneago) bancou não só campanhas políticas, mas até um coquetel no Palácio das Esmeraldas, sede do Governo do Estado, conforme as investigações da Operação Decantação. O evento teria ocorrido há dois meses, segundo a Polícia Federal, que apura um esquema de desvio de verbas da empresa de economia mista para beneficiar o PSDB do governador Marconi Perillo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.