Embaixador Marcel Biato vai para Agência Nacional de Energia Atômica

-

Luiza Pollo

12 de junho de 2016 | 07h15

O embaixador Marcel Biato, que ficou na geladeira no governo Dilma após a operação para retirar da Bolívia o senador Pinto Molina, volta a ocupar cargo no Itamaraty a convite do ministro das Relações Exteriores, José Serra. Ele será indicado para a Agência Nacional de Energia Atômica, em Viena, na Áustria.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: