Em aceno ao centro, programa de governo do PT fala em valorizar policiais e enfrentar crimes

Em aceno ao centro, programa de governo do PT fala em valorizar policiais e enfrentar crimes

Gustavo Côrtes

06 de junho de 2022 | 13h58

O esboço do programa do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) faz acenos à parcela do eleitorado de centro ao incluir temas como “valorização profissional dos policiais” e segurança pública.

O ex-presidente Lula. Foto: Amanda Perobelli/Reuters

O documento, divulgado aos membros da aliança nesta segunda-feira, 6, também prega a redução da criminalidade por meio do “enfrentamento eficaz ao tráfico de drogas e armas, ao crime organizado e às milícias”.

O trecho em que a sigla busca responder à “legítima e crescente demanda dos brasileiros e das brasileiras por maior segurança pública” também contempla pontos consensuais no campo ideológico da candidatura petista, como políticas de combate à violência policial contra a população negra.

Não deixa também de ser um aceno aos policiais, categoria identificada com o bolsonarismo.

O tema da segurança pública nunca foi prioridade dos candidatos de esquerda, que preferem tratar do tema sob a perspectiva da desigualdade social.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.