‘É de direita, mas não é nazista’, diz Paula Lavigne sobre Regina Duarte

‘É de direita, mas não é nazista’, diz Paula Lavigne sobre Regina Duarte

Marianna Holanda

18 de janeiro de 2020 | 05h00

Foto: Fernando Young

A empresária Paula Lavigne elogiou, à sua maneira, o convite de Jair Bolsonaro a Regina Duarte para a Secretaria de Cultura.

“Ela é de direita mas não é nazista: redução de danos”, disse à Coluna. “Acho que na situação de desmonte total da cultura que estamos vivendo, ter Regina Duarte pode ajudar”, completou.

As duas chegaram a trabalhar juntas na TV Globo. Paula é organizadora do movimento 342 Artes, crítica de Bolsonaro e casada com Caetano Veloso.

Alvim foi demitido nesta sexta-feira, 17, depois de divulgar vídeo com discurso com referências nazistas.

Tendências: