PT vai priorizar Dilma na partilha do fundo eleitoral

PT vai priorizar Dilma na partilha do fundo eleitoral

Juliana Braga

05 Julho 2018 | 06h00

Ex-presidente Dilma Rousseff. Foto: Reuters/Ueslei Marcelino

 

Apesar de o PT ter decidido destinar de R$ 1,5 milhão a R$ 2 milhões para os candidatos do partido ao Senado, a ex-presidente Dilma Rousseff terá um tratamento especial. Para não vê-la derrotada nas urnas em Minas, a agremiação reservará para ela mais recursos do que para os demais.

LEIA MAIS: Congresso vai deixar refugiados sem dinheiro

Coluna do Estadão:
Twitter:
 @colunadoestadao
Facebook:
 facebook.com/colunadoestadao
Instagram:
 @colunadoestadão

Mais conteúdo sobre:

Dilma RousseffMinas GeraisPT