Delator da Lava Jato vai ressarcir Petrobrás em US$ 45 mi

Delator da Lava Jato vai ressarcir Petrobrás em US$ 45 mi

-

Luiza Pollo

17 de julho de 2016 | 06h45

A view is seen of the Petrobras headquarters in Rio de Janeiro December 16, 2014. Concern over the corruption scandal is driving shares and bonds of Petrobras to multi-year lows. Preferred shares of the Rio de Janeiro-based company fell 9.1 percent on Monday, touching their lowest level since 2005. REUTERS/Sergio Moraes (BRAZIL - Tags: ENERGY CRIME LAW)

Foto: REUTERS/Sergio Moraes

A Petrobrás vai receber de volta US$ 45 milhões do lobista Júlio Faerman, delator da Operação Lava Jato.

Na sexta-feira, após mais de um ano de negociações, a estatal assinou acordo de leniência com a SBM Offshore, investigada na operação. O acordo prevê ressarcimento de US$ 341,8 milhões pela empresa holandesa à Petrobrás (US$ 328,2 milhões) e aos cofres públicos (US$ 13,6 milhões).

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.