Cúpula do PMDB vai deixar base definir ministro do Turismo

.

Luiza Pollo

29 de junho de 2016 | 16h30

A cúpula do PMDB não deve interferir na escolha do próximo ministro do Turismo, que ocupará a vaga deixada por Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). Alves pediu demissão por causa das denúncias contra ele no âmbito da Operação Lava Jato.

Atualmente Alagoas e Minas Gerais disputam a cadeira de ministro. O líder do partido na Câmara, Baleia Rossi, teve reunião com o presidente interino, Michel Temer, na tarde desta terça-feira, 29. No entanto, disse que a pauta do encontro era outra.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: