Crise amplia espaço de Moreira Franco no governo de Michel Temer

Crise amplia espaço de Moreira Franco no governo de Michel Temer

.

Luiza Pollo

29 de novembro de 2016 | 05h00

Imagem: Kleber Salles/Estadão

Imagem: Kleber Salles/Estadão

Com os seus dois principais interlocutores, Geddel Vieira Lima e Eliseu Padilha, atingidos pelas denúncias do ex-ministro Marcelo Calero, o presidente Michel Temer se aproximou ainda mais do secretário Moreira Franco. Os dois já se falam com frequência, mas, desde que a crise estourou, intensificaram as conversas. No Planalto, a ordem para Padilha é submergir, mas poucos apostam que sobreviva na Casa Civil quando vierem à tona gravações feitas por Calero, que comprovariam que atuou para interferir na decisão a favor de Geddel. 

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Moreira FrancoMichel TemerMarcelo Calero

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.