Contra-ataque da Anatel à Oi será feito de forma conjunta

Contra-ataque da Anatel à Oi será feito de forma conjunta

.

Luiza Pollo

01 de abril de 2017 | 05h45

Foto: Adriano Machado/Reuters

Foto: Adriano Machado/Reuters

O presidente da Anatel, Juarez Quadros, pediu aos seus superintendentes que parem de adotar iniciativas envolvendo a Oi de forma isolada. O contra-ataque à operadora, ameaçada de intervenção e de perder a concessão, será feito de forma conjunta.

Juarez Quadros tenta emplacar Ronaldo Sá, seu ex-sócio, interventor da Oi, caso o governo adote mesmo a medida.

De certo, só que a escolha do interventor da Oi vai passar pelo crivo do presidente Michel Temer.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Anatel

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: