Conselheiros federais querem que OAB solicite acesso ao vídeo de reunião ministerial

Conselheiros federais querem que OAB solicite acesso ao vídeo de reunião ministerial

Coluna do Estadão

14 de maio de 2020 | 05h00

Foto: Divulgação/Ordem dos Advogados do Brasil

Conselheiros federais da OAB estão cobrando posicionamento firme da entidade sobre a reunião ministerial de Bolsonaro. Querem que a direção requisite imediatamente acesso ao conteúdo do vídeo.

Com o que já se sabe até agora, os conselheiros, encabeçados por Daniela Teixeira, avaliam ser de alta gravidade a ação do presidente em direção à PF.

Se comprovadas pelo vídeo, as declarações de Bolsonaro devem motivar um pedido de impeachment encaminhado pela OAB, argumentam esse conselheiros.

LEIA A ÍNTEGRA DA COLUNA AQUI.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.