Com ministros envolvidos em escândalos, TCU contrata empresa para gerenciar crise

Com ministros envolvidos em escândalos, TCU contrata empresa para gerenciar crise

­

Coluna do Estadão

15 de setembro de 2016 | 07h00

Foto: André Dusek/Estadão

Foto: André Dusek/Estadão

O Tribunal de Contas da União (TCU) contratou por R$ 1,6 milhão a Santa Fé Ideias para, entre outras tarefas, gerenciar crises. A iniciativa partiu do presidente, Aroldo Cedraz, que está no centro de um escândalo envolvendo a atuação do filho na Corte.

Recentemente, para economizar, o TCU tirou dos corredores as máquinas de café. Os ministros Vital do Rêgo e Raimundo Carreiro são alvo da Lava Jato.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Blindagem

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: