Com medo de migração em massa, Exército controla fronteira com Venezuela

Com medo de migração em massa, Exército controla fronteira com Venezuela

-

Luiza Pollo

17 de junho de 2016 | 07h00

Tropas do Exército no Rio de Janeiro. Foto: Tasso Marcelo/AE

Tropas do Exército no Rio de Janeiro. Foto: Tasso Marcelo/AE

O Exército realiza ação de controle de fronteiras nas cidades de Normandia e Uiramutã, em Roraima, próximas da Guiana e da divisa com a Venezuela.

A operação Ágata serve para mostrar músculo sem bater diretamente no vizinho sensível. A ação é feita do lado da Guiana, mas a distância máxima da Venezuela é de apenas 180 quilômetros. Um temor no Planalto é que, com a crise, venezuelanos migrem em massa para o Brasil.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Ação

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: