Centrais sindicais vão se reunir com Fachin, do TSE

Centrais sindicais vão se reunir com Fachin, do TSE

Coluna do Estadão

28 de julho de 2022 | 05h00

Representantes das seis maiores centrais sindicais, como Força e CUT, deliberam nesta quinta sobre a adesão à Carta aos Brasileiros. O texto já recebeu o endosso de acadêmicos e de entidades empresariais, como a Fiesp e a Febraban.

Foto> Daniel Teixeira/Estadão

MAIS. Os representantes das centrais vão se reunir no dia 1º de agosto com o presidente do TSE, o ministro Edson Fachin. “Vamos falar da preocupação dos trabalhadores com a escalada da violência nas eleições”, diz Miguel Torres, da Força.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.